sexta-feira, 3 de junho de 2011

é dor demais,

você me passar suas cantadas e eu ignorar tão bem, mesmo que por dentro eu teja tão feliz. você me agarrar e me abraçar e eu recusar, sendo que o que eu mais quero é ter só pra mim.
mas as coisas tem que ser exatamente assim, entre nós dois nada tem mais jeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário